top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Bienal do Livro celebra os seus 40 anos com diversidade literária e representação LGBTQIA+

Evento acontece até o próximo domingo (10), no Riocentro, na Zona Oeste do Rio. Cícero Santos, Deya Muniz, Englantine, Miriam Squeo, Nath Finanças e Vítor diCastro alguns dos autores que participam da Bienal


A 21ª edição da Bienal do Livro do Rio termina neste domingo (10), marcando o 40º aniversário e se tornando um marco na celebração da diversidade literária e da representação LGBTQIA+. A cada edição, este evento cultural reúne amantes da literatura de todas as idades e origens, proporcionando um espaço valioso para autores compartilharem suas histórias e perspectivas únicas. Em 2023, a presença dos autores LGBTQIA+ na Bienal do Rio de Janeiro destaca a importância da inclusão e da representação na literatura contemporânea.


A literatura desempenha um papel fundamental na formação da nossa compreensão do mundo e na promoção da empatia. Autores LGBTQIA+ trazem narrativas que frequentemente são negligenciadas ou sub-representadas em obras literárias tradicionais. Na Bienal do Livro do Rio de Janeiro, esses autores têm a oportunidade de compartilhar suas histórias, experiências e visões de mundo com um público amplo.


A presença dos autores LGBTQIA+ na Bienal de 2023 promete oferecer uma ampla gama de gêneros literários e temas. De romances contemporâneos a ficção científica, poesia a não ficção, esses escritores estão quebrando barreiras e explorando uma variedade de assuntos. Além disso, muitos deles abordam questões relevantes para a comunidade LGBTQIA+, como identidade de gênero, orientação sexual, luta pelos direitos civis e experiências pessoais de aceitação.


Realizado pela GL events Exhibitions em parceria com o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL), o festival de literatura, cultura e entretenimento somará, ao todo, 200 horas de programação para toda a família.


Nesta edição da Bienal, a novidade fica por conta da gastronomia, que conta com food trucks pela primeira vez, com ambiente de convivência ao redor do lago.



Conheça alguns dos autores LGBTQIA+ presentes na 21ª Bienal do Rio

Cícero Santos

‘Cartas para o Futuro – o amor nunca morre’ conta a história de dois jovens que moram em uma cidade pequena e, ao se conhecerem na escola, se apaixonam e passam a viver as vicissitudes de uma relação homoafetiva, em um lugar entranhado de preconceitos. Ben Smith e Cristian Miller, personagens principais do romance, vem de contextos completamente diferentes: Ben é um rapaz negro, de classe baixa e que está na escola por conta de uma bolsa de desempenho. Por outro lado, Cristian Miller é um jovem de posses, recém-chegado à cidade e cujos pais coordenam uma igreja neopentecostal.

A obra também possui uma série de personagens femininas fortes: A mãe de Ben, faxineira e viúva é quem primeiro acolhe a sexualidade do filho; Bella, a melhor amiga de Ben, cujo pai alcoólatra costuma agredi-la, mas faz vê-la os efeitos do patriarcado nas famílias; e a professora Carlota Brown, aquela que resolve tratar o tema do respeito e da tolerância em sala de aula.

No prefácio, Camilly Ferreira dos Santos, filha do autor, de 17 anos, chama atenção para o fato de que ‘este livro é um testemunho poderoso das experiências individuais e coletivas’ (p.9). Este é, sem dúvida, um traço importante do romance que, ao relatar pormenores das vidas de suas personagens, também reflete sobre questões sociais que estruturam a nossa sociedade como um todo.


Deya Muniz

Em ‘A princesa e o queijo quente’, Lady Camembert quer viver em seus próprios termos, sem se casar. Ou melhor, sem ter que se casar com um homem. Mas a lei de seu reino diz que a fortuna da família não pode ser herdada por mulheres solteiras. Então, quando o pai dela morre, ela adota a única alternativa que lhe resta: se disfarça de homem e muda para a capital do Reino de Fromage. Ela, então, inicia uma nova vida como Conde Camembert. Entretanto, é difícil manter a discrição quando a bela Princesa Brie, com seu ativismo incansável e grande senso de moda, chama a atenção de Cam. Lady Camembert, apresentando-se na figura de Conde Camembert, não resiste em conhecer melhor a princesa. Conforme se aproximam, porém, aumenta a dificuldade em manter o segredo de Cam... Devore esta comédia romântica recheada de boas amizades, da busca pelos próprios sonhos e identidade, de amor verdadeiro e, sem dúvida, de muito queijo quente!


Englantine

No livro ‘Em todas as gotas de chuva’, a autora conta a história de duas meninas negras e bissexuais que se apaixonam em uma viagem de trem. O enredo aborda temáticas comuns na adolescência, como primeiro amor, escolha de carreira e amadurecimento.

Neste sábado (9), a escritora, que também é uma mulher negra, leva essa representatividade para a Bienal do Livro, no Rio de Janeiro. Na obra, o protagonismo negro e LGBTQIA+ se destacam e proporcionam aos jovens leitores um retrato real e inclusivo. Ela fará uma sessão de autógrafos a partir das 16h, no estande da Qualis Editora, que fica na rua I17 com J16 do Pavilhão Azul.



Miriam Squeo

‘Por trás dos meus cabelos’ é um romance LGBTQIAP+, em que a protagonista conduz o leitor a uma viagem de descobertas dela mesma, passando por vários países e lugares, muitos encontros e alguns desencontros. Itália, Paris, Rio de Janeiro e Fernando de Noronha, destinos paradisíacos fazem parte dessa história e são panos de fundo para uma aventura repleta de amor, descobertas, desejos e sexo. Uma mulher que se despe de suas convicções e desbrava uma nova vida em um país tropical. Seria um clichê, mas essa palavra e pequena demais e não contempla essa obra. Uma viagem repleta de surpresas, que exalta a liberdade e a sexualidade sem tabus. Uma ode ao amor, ao desejo e à feminilidade em sua in - finita generosidade de amar sem preconceitos. Uma viagem de reconstrução por meio de dúvidas, emoções.


Nath Finanças

Depois de ‘O plano perfeito’, o clubinho do Menino Maluquinho mais uma vez precisa da ajuda da Nath Finanças... Surpresas acontecem. Quando são boas, todo mundo fica feliz! Mas... quando não são, o que fazer? No clubinho da turma, um imprevisto nada legal pegou todos no susto! E, mais uma vez, a Nath atendeu ao chamado do Maluquinho e veio dar dicas importantes sobre os 3 R’s da Sustentabilidade, para ajudar a solucionar problemas inesperados. Você e sua família também irão se valer dessas dicas e se organizar financeiramente. O negócio aqui é planejamento para conquistar objetivos e realizar metas. • Nath Finanças é empresária e criadora do canal Nath Finanças. Nath está na lista da Forbes Brasil Under 30. • Diálogo com o público de baixa renda, conscientização sobre o uso do dinheiro desde a infância. • Conteúdo híbrido para leitura das crianças tanto no ambiente doméstico, como na leitura compartilhada com professores no ambiente escolar. • A interação da personagem Nath Finanças com a Turma do Menino Maluquinho, irá garantir uma boa recepção tanto do público escolar, como no trade. • Ilustrações contemplando a diversidade dos personagens da Turma do Maluquinho. • Ensino de atitudes economicas e sustentaveis e trabalho em equipe.


Vítor diCastro

‘Deboche Astral’ é o título de seu novo livro, que recebeu o mesmo nome de seu canal, criado em 2018 e já conta com mais de 1,6 milhão de inscritos no YouTube. Por lá, Vítor fala de signos e astrologia de uma forma bastante particular e bem-humorada.

Para os interessados no livro, avisa: ‘Olá, minha senhora, seja muito bem-vinda ao livro do Deboche Astral. Se você acompanha o nosso trabalho pela internet, já deve saber bem o que te espera daqui pra frente. Mas, se esse não for o seu caso, já preciso te preparar, no bom e velho mineirês: É TUDO BO-BA-JA-DA, mas com fundo de verdade. Aproveite e volte a este manual quantas vezes achar melhor, até porque você pode querer conferir novamente a cada novo crush, novo trabalho, novo parceiro, pra saber se está caindo em golpe ou não (anote: se for Libra, é golpe). Boa leitura e não se esqueça de se inscrever no canal, deixar seu comentário e desculpe, força do hábito’, finaliza.



SERVIÇO:

21ª edição da Bienal do Livro do Rio

Dia: até dia 10 de setembro

Horário: Sábado e domingo das 10h às 22h - Abertura dos portões: 1 hora antes do início do evento.

Local: Riocentro - Avenida Salvador Allende, 6555 – Barra da Tijuca – Acesso pelos portões B e H.

Ingressos: R$ 19,50 (meia entrada) e R$ 39,00 (inteira) por dia. Podem ser adquiridos pelo site da empresa Eventim ou no Pavilhão das artes e Pavilhão 4 do Riocentro e no Estádio Nilton Santos – Engenhão.

Classificação etária: 14 anos: menores de 14 podem entrar apenas acompanhados dos pais ou responsável legal. Para crianças de até 1 (um) metro de altura a entrada é gratuita.

6 visualizações
bottom of page