top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Campanha da TIM usou IA para criar músicas de acolhimento na voz de Ana Vilela

Na nova campanha desenvolvida em parceria com a BETC HAVAS, a TIM usa plataforma de Inteligência Artificial para criar composições únicas e acolhedoras



Com o objetivo de acolher e dar voz a histórias de pessoas LGBTQIAP+, a TIM escolheu o mês de junho, período em que se celebra essa comunidade, para lançar sua nova ferramenta de inteligência artificial. Em parceria com a agência BETC HAVAS, a TIM colocou no ar a campanha Acolher IA, uma plataforma que transforma histórias reais de orgulho em músicas originais e inspiradoras.

A iniciativa teve como base a canção inédita 'Aflora', composta por Ana Vilela para seu mais novo álbum, 'Melhor que Ontem' - a letra, segundo a artista, é como uma carta para ela mesma no passado, uma adolescente homossexual dentro de uma família extremamente conservadora e católica. A ideia é expandir essa mensagem para que alcance muito mais pessoas e de forma personalizada.

A ferramenta está disponível desde o dia 28 de Junho na página desenvolvida para a ação (acolheria.com.br), onde o usuário poderá contar um pouco sobre sua história e realidade como parte da comunidade LGBTQIAP+, e ao final, receber sua própria música. A canção fica por conta da cantora Ana Vilela que, através da Inteligência Artificial, emprestará sua voz para ser o principal instrumento de inspiração e acolhimento de milhares de pessoas, celebrando a narrativa.

A campanha tem foco em redes sociais. Além da artista, a marca montou uma robusta estratégia junto do seu time de creators LGBTQIAP+ do Instagram, TikTok e Twitter. Rapha Vicente e Diva Depressão, embaixadores da TIM, foram os primeiros a usarem a ferramenta, contarem suas histórias e receberem suas músicas criadas pela ACOLHER IA.

E quem se une a eles é um extenso time de creators do Twitter, que possui relacionamento com a marca já de outras campanhas e destacam-se na internet pelo forte engajamento e identificação que têm com seus públicos.


'A inteligência artificial está cada vez mais presente no nosso cotidiano, então porque não nos aliarmos a ela para produzirmos conteúdos que levem amor e conforto às pessoas? Usamos a IA para criarmos milhares de possibilidades de acolhimento, abraçando diferentes histórias e permitindo que elas sejam compartilhadas por aí, quem sabe não atingindo outra pessoa que também esteja passando por situação parecida e precise de um conforto', complementa Daniela Lima, Diretora de Criação e Conteúdo da BETC Havas.


Conheça aqui a campanha.

コメント


bottom of page