• Elen Genuncio

‘Casal poderoso’ de pinguins gays comemora seu terceiro aniversário

Sphen e Magic são a prova de que o amor homossexual, dito ‘não natural’ por religiosos, é comum na Natureza e mostra o comprometimento dos parceiros com a relação



A história de amor do casal de pinguins gays Sphen e Magic deveria servir de modelo para a maioria dos humanos. Depois de três anos juntos no Sea Life Sydney Aquarium (Austrália), eles têm dois filhos, acabaram de construir sua segunda casa e estão apaixonados como sempre. Em comemoração as bodas de trigo ou couro, saborearam um delicioso bolo de peixe congelado, compartilhando o momento tão especial com seus companheiros pinguins na colônia.


O significado dos símbolos das bodas tem tudo a ver com o casal inseparável: o primeiro representa o amadurecimento do casal, além da prosperidade e união. Já o segundo elemento simboliza a proteção que o contato diário proporciona.


As notícias do caso de amor de Sphen e Magic vieram à tona em 2018, quando adotaram e incubaram um ovo nas instalações de Darling Harbor, dando as boas-vindas ao seu primeiro filhote, Lara, apelidado de Sphengic.


Após o sucesso em criar Lara, os pinguins receberam outro filhote para cuidar, quando Magic mostrou seu amor por Sphen lhe presenteando com uma ‘pedra especial’, e a dupla ficou tão chocada que começou a tentar incubar uma pedra. Então, os tratadores decidiram dar uma chance a eles com um ovo de verdade que um casal heterossexual de pinguins estava lutando para cuidar. Eles foram pais incríveis, se revezando para incubar o ovo por 68 dias até que ele eclodisse. Em novembro de 2020, Sphen e Magic festejaram a chegada de mais um filhote: Clancy.


Você via Magic parado em seu lugar procurando por Sphen, e ele ligava e Sphen vinha correndo e dava uma pequena reverência a Magic e cantava também’, disse Tish Hannan, chefe de supervisão de pinguins do aquário, na época. ‘Eles escolheram um ao outro. É isso. Eles estão ligados agora’.



O casal está entrando em sua terceira temporada de reprodução juntos e até se mudaram de casa, de acordo com a cuidadora de pinguins Keira Ponting. Em uma ‘atualização sobre o casal poderoso dos pinguins’, ela disse estar emocionada ao ver o casal feliz ainda junto e os descreveu como um dos casais mais dedicados da colônia:


Magic ainda coleta regularmente a pedra mais perfeita que ele pode encontrar para Sphen, mostrando o grande caçador e parceiro que ele pode ser’, disse Ponting ao News.com.au, acrescentando:


Eles deram um grande exemplo para o resto da colônia. Eles são inseparáveis ​​e provam o quão fortes os laços dos pinguins podem ser. Observamos muitos dos casais de pinguins mais novos montando seus ninhos perto de Sphen e Magic, o que achamos que eles estão tentando aprender com os melhores’.


Sphen e Magic encontraram fama global quando foram apresentados no aclamado programa Atypical, da Netflix


Em uma cena da terceira temporada da série, Sam, o personagem principal, amante de pinguins que tem autismo, diz a sua irmã Casey que ele ficaria bem com ela namorando uma garota porque ‘você seria como Sphen e Magic, os dois pinguins machos no Sea Life Sydney Aquarium’. Ele continuou: ‘Eles se cortejaram e construíram um ninho. Quando um par de pinguins heterossexuais negligentes deixou seu ovo exposto aos elementos, a equipe do aquário deu a Sphen e Magic. Eles têm um bebê agora. Seu nome é Sphengic. Eu acho que eles poderiam ter feito melhor com o nome’.


É natural


O amor entre o mesmo sexo é comum no reino animal, apesar da direita religiosa alegar que a homossexualidade ‘não é natural’. Somente este ano, a LGBTQ Nation relatou sobre uma águia careca criando filhotes juntos como uma família; dois pinguins machos que tiveram uma cerimônia de casamento luxuosa, e um aquário onde a maioria dos casais de pinguins são pares do mesmo sexo.


Além disso, Sphen e Magic não são o primeiro casal de pais de pinguins do mesmo sexo a enfeitar um zoológico. Há também Thelma e Louise, duas pinguins lésbicas que criam um filhote juntas em um zoológico da Nova Zelândia; Eduardo e Rio, os pais pinguins substitutos do zoológico de São Francisco, e Inca e Rayas, um casal de pais de pinguins Gentoo no Faunia Park Zoo de Madri.


Alguns zoológicos até começaram a celebrar seus casais de pinguins do mesmo sexo como forma de atrair o interesse do público. O Zoológico de Londres fez seus pinguins gays celebrarem o Orgulho em 2020 e o Heythrop Zoo, em Oxfordshire, ajudou a organizar um luxuoso casamento no campo inglês para seu pinguim do mesmo sexo casal, Ferrari e Pringle.


Flamingos


Lance Bass e Freddie Mercury são dois são flamingos do mesmo sexo e o zoológico de Denver Zoo é o lar do casal.


Você sabia que o Denver Zoo é o lar de um casal de flamingos do mesmo sexo? O flamingo chileno Lance Bass e o flamingo americano Freddie Mercury estão juntos há vários anos’ postou o zoológico no Facebook para o mês do Orgulho.


Embora esses dois machos não possam ter um filhote, eles podem agir como pais substitutos se um casal reprodutor não puder criar seu filhote por qualquer motivo’.

24 visualizações