• Pimenta Rosa

Declarações homofóbicas ao vivo geram treta na família do apresentador Sílvio Santos

A filha do apresentador, Patrícia Abravanel, ao defender Caio Castro e Rafa Kalimann que postaram vídeo de pastor homofóbico, foi contestada por Tiago Abravanel



O assunto já vem rolando na net há alguns dias. O ator Caio Castro e a ex-BBB e apresentadora Rafa Kalimann repostaram em suas redes sociais um vídeo de um pastor evangélico com posições homofóbicas. Houve muita polêmica e busca de um posicionamento dos dois sobre o alinhamento com aquelas declarações. Ativistas dos direitos LGBTQIA+ condenaram a ação dos atores e, para não perder o bonde, a apresentadora Patrícia Abravanel, filha de Sílvio Santos, resolveu comentar a treta em seu programa 'Vem pra Cá'.


Na última terça-feira (01/06), primeiro dia do Mês do Orgulho LGBT, a apresentadora decidiu falar sobre a polêmica. Suas declarações, entretanto, provocaram ainda mais discussão, uma vez que pediu 'compreensão' à comunidade LGBTQIA+ com aqueles que foram criados num mundo homofóbico.


'Acredito que nós, mais velhos e que fomos educados por pais mais conservadores, estamos aprendendo, estamos nos abrindo, mas é um direito também das pessoas respeitarem. Por que não concordar em discordar? Podemos ter opiniões diferentes, e tudo bem! Tudo é muito enfatizado, muito polemizado', disse a filha de Sílvio Santos.


O sobrinho da apresentadora, o ator Tiago Abravanel, não deixou barato. Em seu perfil do Instagram rebateu as frases homofóbicas da tia e pediu mais respeito. Num outro momento, sobre o pedido da tia para que a comunidade LGBTQIA+ seja mais tolerante, ele retrucou que 'não é uma questão de ser radical. As pessoas sofrem com isso. as pessoas morrem por isso.' Assista ao vídeo postado pelo ator aqui.


198 visualizações