• Pimenta Rosa

Drag Aretuza Lovi rebate crítica de haters à sua foto com o filho na praia no domingo

Bruno Pinheiro, conhecido como a drag queen Aretuza Lovi, foi às redes sociais rebater as críticas de haters em sua foto com o filho na praia, em comemoração ao Dia dos Pais



Era para ser apenas uma bela foto de Dia dos Pais na praia com o filho adotivo Noah, de sete anos, mas o post de Bruno Pinheiro, mais conhecido como a drag queen Aretuza Lovi, rendeu treta. Haters fizeram comentários maldosos sobre a postagem e ela não perdoou, afirmando que as pessoas hoje estão muito voltadas ao discurso de ódio.


'As pessoas enxergam tudo com maldade! Pelo amor de Deus, aonde é que vamos parar? Vocês acompanham a minha vida? Sabem do meu dia a dia com meu filho! Nos respeitem! Vai procurar alguém para fazer feliz, como eu faço para o meu filho!', disse a drag em seu Twitter.


Ele já tinha comentado, anteriormente, situações tristes e desrespeitosas que já passou por ser gay e ter um filho. Bruno Pinheiro disse que conheceu a mãe de Noah quando ela ainda estava grávida e o adotou assim que o garoto nasceu. Seu maior medo, garantiu, é que o filho sofra na pele tudo o que ele passa, por conta do preconceito.


'O Noah é um presente de Deus. Ele veio de uma forma muito inesperada. É filho que a vida me deu. Eu adotei o Noah com 24 anos e muitas pessoas me chamaram de louco. Quando vi o histórico do menino, o histórico de rejeição do pai biológico e toda a situação que a mãe estava vivendo, eu me apaixonei pela barriga e nosso amor começou ali', disse o ator em uma live com Lore Improta.

246 visualizações