top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Drag Tiffany lança NFTs em prol das causas LGBTQIA+

Parte da renda será direcionada a instituições de apoio e incentivo às causas da comunidade



A Drag Tiffany, famosa apresentadora e humorista, que participou de programas de TV no SBT, Record e RedeTV, é conhecida por defender e promover eventos e ações que dão visibilidade a comunidade LGBTQIA+, ações de combate à discriminação, igualdade e respeito a todas as pessoas. Agora ela vai mais longe nessa causa e acaba de anunciar a sua entrada no mundo dos NFTs na plataforma Fanstation, e parte da renda será direcionada a instituições de apoio e incentivo às causas LGBTQIA+.

Já está disponível na plataforma a primeira roupa feita pelo grande estilista das Drags, Ivan Soares para Drag Tiffany, um card lendário em formato de leilão da peça. Parte da renda arrecadada (60%) será revertido para a 'CASA 1', organização que funciona como um centro cultural, clínica de saúde mental gratuita e acolhida de jovens LGBT+, de 18 a 25 anos, que foram expulsos de casa pela família por suas orientações afetivas sexuais e identidade de gênero. Na plataforma ainda é possível encontrar duas opções de figurinhas colecionáveis, o card tem 50% da renda revertida para a 'CASA 1'. A outra figurinha terá 50% da renda revertida para a ATTO - Associação das Transexuais e Travestis de Osasco.

Sobre NFTs

Os NFTs são certificados digitais ou selos de autenticidade digital, modalidade que oferece aos investidores a propriedade de um ativo criado nesse formato, além de uma nova forma de interação do artista com o seu público. A autenticação acontece via blockchain, sendo que a maioria dos NFTs é registrado na blockchain da Ethereum, plataforma descentralizada, ou na Avalanche, plataforma blockchain de smart contracts. A comercialização dos NFTs é feita por meio de um contrato digital em que se estabelecem todos os termos em relação ao uso do NFT pelo comprador.

O investidor que quiser apostar em um lançamento musical, por exemplo, pode comprar uma cota do Direito Conexo (Direito de intérpretes, músicos executantes e produtores fonográficos) por um período estipulado em contrato, ou pode ser sócio de uma música já conhecida. Entre as inúmeras possibilidades oferecidas pelos NFTs também estão clube privativo online com benefícios para compradores, como contato direto com no ídolo; leilão de memorabilia e itens históricos para investidores e fãs; cards digitais colecionáveis e cards com passe para shows e camarim; passe para eventos exclusivos; compra de produtos.

Sobre a Fanstation

A Fanstation foi criada em 2019 com a proposta de ser um marketplace para aproximar fãs de seus ídolos, independente do segmento. No final de 2021, com o crescimento mundial do mercado de NFTs, a Fanstation decidiu reposicionar sua marca e estruturar um plano de negócios para o seu ingresso neste mercado. O objetivo da empresa é não só propiciar novas oportunidades para investidores, mas ampliar as opções de produtos para os fãs que procuram uma experiência mais imersiva com seu ídolo. Hoje a plataforma negocia NFTs com a criptomoeda BITFAN, oferecendo aos fãs de esporte, música, arte e literatura a possibilidade de comprar de maneira segura diversos objetos e experiências ligadas ao seu ídolo. Entre as opções estão: encontros de fãs, itens autografados, memorabilia, cards colecionáveis, direitos sobre músicas, acesso a shows e clubes vip.

3 visualizações
bottom of page