• Pimenta Rosa

Flamengo usará camisa em homenagem à comunidade LGBTQIA+ e fará leilão das peças

Segundo a Coluna do Fla, o Clube de Regatas do Flamengo, fará uma homenagem à comunidade LGBTQIA+ no jogo deste domingo, contra o Juventude, em Brasília



O Clube de Regatas do Flamengo é um dos mais queridos e conhecidos no Brasil e em todo o mundo e, para mostrar sua luta contra a discriminação, o time entrará neste domingo (27/06), às 11h, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, levando as cores da diversidade em seu manto sagrado. A numeração das camisetas estará nas cores do arco-íris, símbolo do Orgulho LGBT, e o capitão Diego Ribas usará uma braçadeira em homenagem à comunidade LGBTQIA+.


A ação acontece em conjunto entre os Departamentos de Futebol, Responsabilidade Social e Marketing do Flamengo. A renda arrecada com os leilões, que serão feitos pela plataforma Play for Cause, será revertida para instituições que trabalham com acolhimento e garantia de direitos LGBTQIA+, como a Casa Nem, do Rio de Janeiro, e a Manifesta LGBT, de Manaus.


O Flamengo, que tem uma das maiores torcidas do país, mostra que está antenado com as questões que permeiam o esporte. A cada dia há um esforço de entidades e federações no combate à discriminação e contra a LGBTfobia no mundo esportivo, não apenas no futebol. A escolha da data para a homenagem foi cirúrgica, por ser o último domingo de junho, mês dedicado à cauda LGBTQIA+ e véspera do Dia Internacional do Orgulho LGBT, dia 28 de Junho, quando se comemora 52 anos da invasão de policiais ao bar StoneWall Inn, em Greenwich Village, em Nova York, quando policiais invadiram o bar onde se reuniam gays, lésbicas, travestis e transexuais. A ação criou um movimento em toda a comunidade local e transformou a data em um símbolo de resistência e reflexão.

22 visualizações