top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Influencer homenageia transexuais indígenas e chama atenção para o preconceito

Suellen Carey aproveita o Dia dos Povos Indígenas para alertar sobre transfobia: 'Eles sofrem duplamente esse preconceito, precisamos mudar isso'



A influencer Suellen Carey utilizou suas redes sociais em favor do Dia dos Povos Indígenas, comemorado em 19 de abril, para homenagear transexuais indígenas e chamar a atenção para a transfobia presente dentro das comunidades indígenas e na sociedade em geral. No Instagram, Suellen destacou a importância de se falar sobre a vulnerabilidade enfrentada pelos transexuais indígenas, se vestindo a caráter em post no feed.

'Eles sofrem duplamente esse preconceito, precisamos mudar isso', escreveu a influencer em seu perfil do Instagram, onde tem mais de 41,3 mil seguidores. A iniciativa de Suellen foi elogiada por seguidores nos comentários da publicação, que destacaram a importância de dar visibilidade para questões como essa, e de se combater a transfobia em todas as suas formas.

De acordo com alguns estudos, há presença de pessoas trans em muitas comunidades indígenas em todo o mundo, incluindo as Américas, África, Ásia e Oceania. No entanto, o reconhecimento e aceitação dessas pessoas podem variar entre diferentes grupos culturais e tradicionais. Em 2021, Majur Harachell Traytowu ficou conhecida no Brasil como a primeira mulher transexual a liderar uma aldeia indígena.

'Nós ainda temos poucos exemplos de transexuais indígenas em cargos de liderança dentro das aldeias. O Dia dos Povos Indígenas é também importante para chamar atenção da necessidade de garantir os direitos das comunidades indígenas, que frequentemente enfrentam uma série de desafios e violações de direitos, incluindo a negação de sua identidade e cultura. Quero dar espaço para um debate mais amplo sobre o assunto no meu Instagram', conclui a influencer.

18 visualizações

Comments


bottom of page