top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Na noite deste sábado o Brasil conhecerá sua nova Miss Brasil Gay

A cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais, está lotada neste final de semana com a presença de artistas, ativistas LGBT+ e as candidatas que irão disputar esta noite a coroa e a faixa do evento



A 40a edição do Miss Brasil Gay Oficial, concurso que vai escolher a mais bela transformista do país, acontece neste sábado (20/08), a partir das 20h, no Terrazzo, em Juiz de Fora, Minas Gerais. A noite contará com um show da estrela Gloria Groove, a drag queen mais ouvida no mundo, recém chegada de sua turnê pela Europa, pela primeira vez na cidade, engrandecendo ainda mais a noite de premiação.


A noite será especial também para a bela Antonia Gutierrez, representante de Pernambuco, eleita a Miss Brasil Gay em 2019, último ano em que ocorreu o evento. A programação também inclui outras grandes atrações artísticas, além do principal espetáculo da noite, protagonizado pelas 27 candidatas, que desfilam em trajes típicos e de gala em busca do título de Miss Brasil Gay Oficial.


Programação


Esse ano, o Miss Brasil Gay Oficial vai celebrar a sua história, em uma programação que revisitará grandes momentos do concurso. O diretor artístico, André Pavam, explica que 'em cada parte do espetáculo o público terá oportunidade de participar de homenagens, de lembranças, de reviver emoções que marcaram esses mais de 40 anos. Será maravilhoso.'


● Andréa Gasparelli, conhecida nacionalmente por interpretar grandes ícones da música, vai voltar ao palco do Miss Brasil Gay Oficial com duas performances, entre elas, a música 'Meu nome é Gal'.

● Danny Cowltt promete surpreender e incendiar a plateia com uma performance da música 'Negro Gato', relembrando também apresentações que marcaram a história do

concurso.

● Suzy Brasil, com o seu humor afiado e encantador, é presença que não pode faltar.

● Ravell relembrará a performance de Marcinha do Corinto, na década de 80, que encantou o público do Miss Brasil Gay interpretando Baby do Brasil (à época, Baby Consuelo), com a música 'Brasileirinho'. Ela também homenageará Elza Soares e a transformista Layla Ken, que morreu em 2016. Layla, além de ter sido eleita Miss Brasil Gay 2006, se apresentou no concurso dublando Elza Soares.

● Lizandra Brunelly, com um show de tirar o fôlego.

● Radha Vasconcellos, que já foi candidata à coroa, fará uma apresentação cover de Jennifer Lopez.


A programação também inclui as famosas festas Stomp e Funhouse para movimentar a cidade durante todo o final de semana do evento, juntamente com a Rainbow Fest, que acontece no Parque Halfeld, no centro da cidade, entre os dias 19 e 21 de agosto.


Turismo Gay


Segundo o organizador do Miss Brasil Gay, Michel Bruce, o evento será transmitido gratuitamente pelo canal Miss Brasil Gay Oficial no Youtube. Os portões do evento serão abertos às 20h e a previsão de início da festa será 21h. A expectativa é que o Miss Brasil Gay leve para os cofres da cidade cerca de R$ 7,5 milhões. Em 2019, o concurso gerou aproximadamente R$ 5 milhões com o turismo gay e a expectativa é ainda maior para este ano.


'O turismo gay em Juiz de Fora é muito grande neste período do ano, em 2019 injetamos R$ 5 milhões na economia e esperamos que este ano seja ainda maior, projetamos R$ 7,5 milhões. Em 48h de vendas para o Miss, foram vendidos cerca de 60% dos ingressos, a expectativa está muito boa e o evento está sendo abraçado', disse Bruce.


Ele destacou ainda que o público do evento mudou consideravelmente. Em 2019 era majoritariamente acima de 35 anos e, atualmente, o público majoritário é de 18 a 35 anos.


Rainbow Fest


O organizador da Rainbow Fest, Oswaldo Braga, afirmou que o evento seguirá os moldes dos anos anteriores, em que eram organizados ao lado do Marco Trajano, que morreu vítima de complicações da Covid-19, e o principal objetivo é lutar contra a homofobia.


'Nós levamos a cultura LGBTQIA+ para as ruas da cidade e isso reflete no Brasil. Nossa luta é contra a homofobia e qualquer tipo de preconceito, isso permeia todo nosso evento'. Trajano foi fundador do Movimento Gay de Minas (MGM) e era também um dos organizadores da Rainbow Fest.


'Estamos aqui para realizar o desejo do Marquinho, pois ele queria muito que esse evento acontecesse no Parque Halfeld. Faremos uma grande festa, em memória dele e por todos os que defendem a causa LGBTQIA+', comentou Oswaldo Braga.


Venda de ingressos


Todas as modalidades de ingressos estão sendo vendidas exclusivamente pelo site oficial (www.missbrasilgay.com.br) e no Zine Cultural (Rua Floriano Peixoto, 723 - Centro, Juiz de Fora, MG - de segunda a sexta-feira das 10h às 18h - Whatsapp: (32) 99800-8403).

● Mesas: opções Diamante, Ouro, Prata e cadeiras avulsas

● Camarote Open Bar

● Pista

● Festa Stomp (acesso à festa que começa após o concurso, à pista e à arquibancada)

● Festa Funhouse (acesso à festa que começa à 0h no quinto andar do Terrazzo, à pista e à arquibancada)


Embaixadores


Assim como na última edição, o 40º Miss Brasil Gay Oficial contará com um time de influenciadores e jurados potencializando a divulgação do concurso e dando visibilidade à causa LGBTQIA+. Por meio das suas redes de influência, eles vão ajudar no reforço dos principais objetivos do Miss Brasil Gay Oficial: tornar o evento instrumento de luta em favor da diversidade e posicionar a cidade de Juiz de Fora na rota do turismo LGBTQIA+, nacional e internacional.


Conheça as candidatas



Comentários


bottom of page