• Pimenta Rosa

Vitoriosa do câncer de mama conscientiza passageiros no Aeroporto Santos Dumont

Nesta quarta (13/10), a Azul realizará uma ação no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, para marcar o mês de conscientização contra o câncer de mama



Uma vitoriosa da companhia, que venceu o câncer de mama, entrará em algumas aeronaves da empresa, momentos antes da finalização do embarque, para passar uma mensagem sobre a importância do autoexame e de exames preventivos contra a doença. A ação acontecerá das 9h às 17h.

Maria de Cassia, 46 anos, soube que tinha câncer de mama em maio de 2014. Ela descobriu a doença através do autoexame, mas a confirmação do diagnóstico aconteceu justamente em um dia que deveria ser de festa: o aniversário dela. Mesmo abalada pela notícia, Maria de Cassia seguiu o tratamento à risca.

Foram seis meses de quimioterapia, antes de passar pela cirurgia para tirar todo o tecido da mama. Junto com a retirada, ela colocou uma prótese-expansora, mas teve complicações no pós-cirúrgico e teve que retirar a prótese. Depois da cirurgia, fez mais 28 sessões de radioterapia. Seis meses depois, fez a reconstrução da mama - e deu certo. Cinco cirurgias depois, hoje ela está bem e trabalha pela conscientização para o exame precoce.

'Quando recebi o diagnóstico, fiquei sem chão, comecei a achar que estava tudo perdido. Mas daí entendi que só tinha uma opção, que era lutar. Eu lutei, fui em frente, tive muito apoio da minha família, entrei logo com o processo de quimioterapia e todo o tratamento, e hoje me considero curada, estou bem, feliz e vejo a vida de uma maneira totalmente diferente. É preciso seguir em frente', ensina.

O testemunho da mulher que venceu a doença é uma das formas mais relevantes de falar sobre este tipo de câncer, que, segundo dados do Ministério da Saúde, é responsável por cerca de 60 mil novos diagnósticos por ano no país.

9 visualizações