top of page
  • Foto do escritorPimenta Rosa

Websérie 'LGBT+60: Corpos que Resistem' retorna com novas histórias de amor e superação na terceira temporada

Prepare-se para se emocionar com as histórias marcantes e inspiradoras que a websérie trará em sua nova temporada, que estreia nesta segunda-feira (15) no canal do YouTube da plataforma de jornalismo independente #Colabora e nas redes sociais



A premiada websérie 'LGBT+60: Corpos que Resistem' está de volta para sua aguardada terceira temporada, prometendo continuar emocionando e inspirando os espectadores com relatos de amor, orgulho, superação, resistência e diversidade. Dirigida e roteirizada pelo talentoso jornalista Yuri Alves Fernandes, a série já acumula mais de 2 milhões de visualizações em plataformas digitais.


Com data marcada para estrear nesta segunda-feira (15), os cinco novos episódios destacarão as fascinantes trajetórias de vida e celebrações de brasileiros LGBTQIAPN+ que estão vivendo a terceira idade com plenitude. Os protagonistas desta temporada incluem a ativista Denise Taynáh Leite, o jornalista Márcio Guerra, a influenciadora Ana Carolina Apocalypse, a drag queen Luiza Gasparelly e o Seu Franco, cada um compartilhando suas experiências únicas.


Os episódios serão lançados no canal do YouTube da plataforma de jornalismo independente #Colabora e nas redes sociais, oferecendo ao público uma oportunidade de se conectar com histórias autênticas e profundas.


O projeto 'LGBT+60' tem como base a simples ideia de ouvir histórias que muitas vezes não têm espaço na mídia convencional ou em debates cotidianos. Yuri Alves Fernandes, idealizador do projeto, destaca a importância de dar voz aos idosos LGBTQIAPN+, proporcionando uma plataforma para compartilharem suas experiências, sejam elas dolorosas ou repletas de conquistas e sonhos.


Desde sua estreia em 2018, a websérie tem recebido reconhecimento, conquistando diversos prêmios, incluindo Melhor Roteiro e Melhor Direção no Rio Web Fest 2023. Além disso, a série foi agraciada com o Prêmio Longevidade Bradesco Seguros (2019), o 20º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade LGBT+ (2021) e uma Menção Honrosa na Mostra Cine Diversidade Rio de Janeiro (2021).


Além da estreia da terceira temporada, a websérie será destacada em uma exposição no Museu da Diversidade Sexual, em São Paulo, demonstrando seu impacto duradouro na cultura e na conscientização.


A terceira temporada da websérie é resultado do programa de Fomento do Audiovisual Carioca 2022, gerido pela RioFilme, órgão vinculado à Secretaria de Governo e Integridade Pública da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.


Conheça os personagens da nova temporada de 'LGBT+60: Corpos que Resistem':

  1. Ana Carolina Apocalypse: A paulistana de 65 anos, fenômeno na internet, compartilha sua jornada de transição de gênero após assistir à novela "A Força do Querer".

  2. Denise Taynáh Leite: Ativista e mulher trans negra de 74 anos, compartilha sua história de violência familiar, relação com o carnaval, e a emocionante descoberta de sua identidade.

  3. Márcio Guerra: Jornalista de 63 anos, destaca sua história de amor e coragem ao adotar o jovem Phellipe junto com seu companheiro de 34 anos.

  4. Seu Franco: Homem trans negro de 67 anos, revela sua jornada desde morar nas ruas aos 13 anos até a aceitação como pessoa transmasculina.

  5. Luiza Gasparelly: Drag queen carioca de 60 anos, relata os altos e baixos de sua carreira, incluindo descoberta do HIV, perseguição na ditadura, e conquistas afetivas e profissionais.



3 visualizações
bottom of page