• Pimenta Rosa

Feira Trans de Empreendedorismo acontece neste final de semana em SP

Iniciativas buscam ampliar oportunidades e combater a discriminação, ações que o escritório, reconhecido hoje como um dos melhores lugares para pessoas LGBTI+ trabalharem, desenvolve com o grupo D Mais



Como parte das atividades programadas para o mês em que se comemora o Orgulho LGBTQIAP+, o Demarest Advogados vai apoiar e participar da primeira Feira Trans de Empreendedorismo, Inovação e Empregabilidade e da 5ª edição da Marcha do Orgulho Trans de São Paulo, conhecida como maior evento de protagonismo de travestis, pessoas transgêneros e de todas as pessoas aliadas dessa luta na América Latina. O evento é realizado pela consultoria de diversidade [DIVERSITY BBOX] e o instituto [SSEX BBOX].

O Demarest foi certificado como um dos Melhores Lugares para pessoas LGBTI+ Trabalharem, de acordo com pesquisa inédita realizada pela Human Rights Campaign (HRC), Instituto Mais Diversidade e Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+, divulgada nesta sexta-feira (dia 10). O levantamento foi feito com 100 empresas que atuam no país, das quais 38 foram certificadas.

O Índice de Igualdade de Melhores Lugares para Trabalhar (ou Corporate Equality Index - CEI, no original) é uma metodologia aplicada pela HRC desde 2002 nos Estados Unidos. Os critérios foram analisados e revistos pelo Instituto Mais Diversidade para que pudessem fazer parte da HRC Equidade BR.

Para a certificação são considerados cinco critérios: políticas e documentações formais de não discriminação; governança em Diversidade e Inclusão e protagonismo das pessoas LGBTI+ empregadas; educação para a diversidade LGBTI+; compromissos públicos e monitoramento da Inclusão LGBT. Por meio desses tópicos, foram apuradas a adoção de políticas de não discriminação no local de trabalho, a criação de grupos de recursos de funcionários ou conselhos de Diversidade e Inclusão, a oferta de treinamento e a participação em atividades públicas de apoio à inclusão LGBTI+.

Desde 2018, o Demarest Advogados criou do D Mais, um grupo de afinidade voltado à população LGBTQIAP+ e os aliados, que se somam na busca pela construção de um ambiente que valorize cada vez mais a diversidade e possibilite acesso e permanência dessa população ao escritório.

O grupo atua para dar suporte efetivo às questões LGBTI+ e assim tornar o ambiente de trabalho e as relações com diferentes públicos mais abertos, acolhedores, respeitosos e seguros para todas as pessoas.

Entre algumas ações já realizadas pelo escritório estão: adesão e patrocínio ao Fórum de Empresas LGBTI+; patrocínio ao lançamento da cartilha “Padrões de Conduta Para Empresas”, da campanha ONU Livres & Iguais; retificação de nome para pessoas trans em atuação com a Casa Florescer (pro bono); e participação no casamento civil de mais de 150 casais.

Além disso, também revisou materiais, processos e sistemas para o uso do nome social nos documentos internos para contratação do público transgênero e na divulgação de ações internas referente aos benefícios para casais homoafetivos.

Para 2022, o grupo D Mais definiu como temas principais de atuação a questão de empregabilidade de pessoas trans e ambiente seguro para lésbicas.

Sobre a feira

A Feira Trans acontece neste sábado (11) e domingo (12), no Centro de São Paulo, com o objetivo de diminuir o preconceito nas empresas, quebrar barreiras no ambiente corporativo e promover a inclusão da população trans no mercado de trabalho. O evento, promovido pela consultoria de diversidade [DIVERSITY BBOX] e o instituto [SSEX BBOX], tem como tema central #TransTec e foco para o setor de tecnologia.

“É preciso ampliar a discussão no mundo empresarial sobre inclusão, respeito, ambientes seguros e superar preconceitos que ainda afastam tantas pessoas LGBTI+ e talentos do mercado de trabalho. A nossa meta neste ano é buscar novas ações, iniciativas e parcerias com foco nas pessoas trans, como a feira Trans de Empregabilidade, e nas mulheres lésbicas, além de dar continuidade aos projetos já iniciados com os nossos grupos de afinidade D Mais e D Mulheres”, diz Cesar Rossi Machado, sócio da área de Resolução de Disputas do Demarest e sponsor do D Mais.

A programação completa da Feira Trans pode ser conferida no site do Orgulho Trans, onde também é possível buscar vagas oferecidas a profissionais trans por 47 empresas parceiras do evento, entre elas o Demarest. Confira mas informações aqui.

O mercado de trabalho trans

Somente 6% dos transgêneros estão no mercado formal de trabalho, de acordo com uma estimativa recente da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra).

Os desafios das empresas para incluir profissionais trans envolvem não somente abrir mais oportunidades, mas também criar um ambiente de acolhimento e suporte para quem vive a transição de gênero. Apesar da evolução em discutir o tema, motivada pelas conquistas da comunidade LGBTQIAP+, é preciso trabalhar ainda mais para que a inclusão não fique apenas na base das organizações, mas chegue também a todos os níveis nas companhias.

Diversos estudos já publicados mostram como a diversidade nas empresas abre a porta para a inovação e como as companhias que adotam políticas inclusivas e equipes heterogêneas obtêm resultados melhores nos negócios.

Organizações com maior diversidade atraem talentos diferentes, proporcionam ambientes mais felizes e conseguem reter funcionários, o que tem impacto direto no seu desempenho. Isso porque refletem dentro da empresa a diversidade do mercado consumidor.

Programação

A programação completa da Feira Trans e da marcha para o mês de junho pode ser acessada aqui no site do Orgulho Trans.

Neste ano, as atividades acontecerão entre os dias 3 e 24 de junho, em formato híbrido, com eventos presenciais e online, com a participação de personalidades como Angélica Ross, Dominique Jackson, Erika Hilton, Pri Bertucci, Nick Cruz, Bixarte, Cidão Furacão, Danny Bond entre outras pessoas convidadas.


Serviço

Feira Trans de Empreendedorismo, Inovação e Empregabilidade

Local: Praça da Bandeira, 137 Centro, São Paulo, SP

Data: dia 11 (11h a 1h am) e 12 de junho (11h às 20h)

8 visualizações