• Pimenta Rosa

Nubank inaugura loja virtual e destina lucros do e-Commerce a entidade LGBTQIA+

A primeira organização a ser beneficiada pela ação do banco digital é a TODXS, que trabalha na formação de lideranças, pesquisa, conscientização e segurança



A estreia da Lojinha do banco Nu, loja virtual que concentrará a venda de itens exclusivos da marca, o Nubank anunciou que doará 100% do lucro obtido pela comercialização dos produtos à TODXS, organização sem fins lucrativos com projetos de inclusão social da comunidade LGBTQIA+.


Ela será a primeira organização beneficiada. De acordo com o Nubank, todo o rendimento do e-commerce será convertido para projetos sociais ou entidades parceiras de forma permanente.


'No Mês do Orgulho LGBT, o Nubank vai além da bandeira do arco-íris para dar visibilidade aos grupos em questão em apoio à causa', destaca a companhia.


'Diversidade é um dos pilares e valores do Nubank e temos muito orgulho em avançarmos cada vez mais em nossas estratégias com foco em diferentes pautas', defende Vitor Martins, especialista em Diversidade & Inclusão do Nubank.


Em censo realizado junto a funcionários e funcionárias do Nubank anunciado em fevereiro, cerca de 26% se autodeclararam/identificaram como parte da comunidade LGBTQIA+. Atualmente, o banco digital possui mais de 4,5 mil colaboradores e colaboradoras.


A diretora executiva da TODXS, Ana Beatriz Santos, ressaltou que a importância de ações como essa da Nubank é importante para a visibilidade da comunidade LGBTQIA+.


'Em nosso trabalho aqui na TODXS, acreditamos que ser uma empresa aliada da comunidade LGBTQIA+ vai além das portas da companhia e demanda ações concretas. Essa iniciativa do Nubank no Mês do Orgulho é um exemplo disso por demonstrar o comprometimento da empresa com a causa', conclui.

6 visualizações